31
Sáb, Out

+ Notícias

A Federação da Agricultura do estado do Paraná (Faesp) divulgou um podcast acerca do papel dos adidos agrícolas, muitos deles AFFAs, que atuam nas embaixadas brasileiras no exterior, com o objetivo de abrir mercados para o agronegócio brasileiro.

Um dos participantes no programa, o economista do Departamento Técnico e Econômico (DTE) da FAEP, Luiz Eliezer Ferreira, citou os encontros com cada adido, onde foram tratados pontos centrais da relação do Paraná com os países, além de avaliar oportunidades e prospectar novos negócios. “Esse foi o segundo encontro. O primeiro foi presencial, antes da pandemia, quando o Mapa organizou um evento e expôs como estava o cenário de oportundades e desafios, tanto sanitários como tarifários, em cada um dos países. Para essa rodada, que foi à distância, os adidos se disponibilizaram a conversar com o setor produtivo e privado. Foi uma agenda bem intensa de conversas”, disse.

“O evento mais uma vez ilustra a imprescindibilidade do Adido Agrícola deter conhecimento em temas sanitários e fitossanitário e em questões voltadas aos trâmites internos do Mapa e dos países, quanto à auditoria, fiscalização e desembaraços técnicos específicos. Nesse sentido, os Auditores Fiscais Federais Agropecuários são servidores públicos que trabalham diretamente nos processos de auditoria e fiscalização no Mapa. Portanto, estão melhor qualificados para o exercício da adidancia agrícola”, disse o diretor de política profissional do Anffa Sindical, Antônio Andrade.

Além do trabalho dos adidos agrícolas, o podcast támbém abordou o impacto da tarifa rural noturna no Paraná e as perspectivas para o trigo.

Confira o programa na íntegra aqui.

0
0
0
s2sdefault