06
Seg, Abr

Notícias do Sindicato

O aumento de infectados pelo Covid-19 tem mudado a rotina de todos, no mundo inteiro. No Brasil, medidas preventivas foram tomadas, como o trabalho remoto, a fim de diminuir aglomerações. O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento aderiu tal modalidade, junto aos servidores, inclusive, Auditores Fiscais Federais Agropecuários (AFFAs), conforme a Portaria n. 103, de 23/02/2020.

Um exemplo da realização deste formato é na Superintendência Federal de Agricultura do Estado do Paraná (SFA-PR), que realiza reuniões por meio de videoconferência, juntamente com as chefias técnicas para garantir que os serviços continuem acontecendo e que a população não fique desabastecida. “Estamos coordenando as ações do pessoal que está atuando nas unidades, tanto superintendência, como técnicas, a fim de orientá-los e que haja o mínimo de prejuízo possível”, informou o superintendente do Paraná, Cléverson Freitas.

Há AFFA em frigorífico, portos, aeroportos, fronteiras, campos, entre outros locais atuando 100% presencialmente e outros de forma remota. “Nossa carreira tem um papel fundamental na segurança alimentar do país e os servidores não deixaram de realizar o seu trabalho. Esse formato está funcionando bem e estamos utilizando tudo que a tecnologia proporciona para que possamos dar continuidade a um serviço de qualidade”, informou o superintendente.

Em complemento às colocações de Cléverson, o diretor de Comunicação e Relações Públicas do Anffa Sindical, Roberto Siqueira Filho, lotado no Paraná, reforçou que o momento de distanciamento entre as pessoas é fundamental. “Temos que encontrar meios de viabilizar a continuidade de nossas ações. Nosso trabalho não pode parar porque é essencial à população que a segurança alimentar seja garantida”, disse. Para ele, essa alternativa, de reunião por conferência à distância foi prática, rápida e permitiu contatar servidores em grande número. Com isso, os serviços essenciais e primordiais ficam garantidos. “O Mapa pode continuar prestando um bom serviço à sociedade de forma a permitir um convívio tranquilo da população nesse momento de dificuldade onde, ao menos, o abastecimento e a qualidade dos alimentos estão garantidos por nós, AFFAs”, finalizou.

0
0
0
s2sdefault