Auditores fiscais federais agropecuários são reconhecidos pela atuação na pandemia

Hoje (30/6), categoria foi homenageada pela contribuição à segurança alimentar do país e pela atuação incansável, mesmo com desafios impostos pelo coronavírus

No dia do aniversário da carreira (30/6), os auditores fiscais federais agropecuários (affas) foram lembrados e homenageados por diversas autoridades ligadas ao setor, pela natureza dos serviços prestados. Responsáveis por garantir qualidade de vida, saúde e segurança alimentar às famílias brasileiras, esses servidores públicos do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), atuam há mais de 150 anos, mas a atividade só foi reconhecida como carreira em 30 de junho de 2000.

O quadro de affas é composto pela atuação de engenheiros agrônomos, farmacêuticos, químicos, médicos veterinários e zootecnistas. "Quero cumprimentar a todas as auditoras e auditores pelo trabalho excelente que vocês prestam ao Brasil, trabalhando principalmente nesses dois anos difíceis de pandemia, à frente das atividades, fazendo com que o Brasil não parasse. Muito obrigada pelo trabalho de vocês e parabéns pelo seu dia", destacou a Ministra da Agricultura, Tereza Cristina, em vídeo dedicado à categoria.

Segundo o presidente do Sindicato Nacional da categoria, o Anffa Sindical, Janus Pablo, o elogio da Ministra só reforça o orgulho que os affas têm por terem se mantido firmes, atuando em diversas frentes para evitar fraudes, desabastecimento e assegurar que produtos de origem animal e vegetal chegassem à mesa dos brasileiros sem riscos à saúde. "Contribuímos com importante parcela do Produto Interno Bruto Brasileiro (PIB)", destacou o presidente.

Desafios
Em meio à programação preparada pelo Anffa Sindical para homenagear os auditores fiscais federais agropecuários, como divulgação de vídeos contendo declarações de autoridades destacando o excelente desempenho da carreira e outras iniciativas, o presidente do Anffa lembrou também os desafios da categoria, que apesar de exercer importante contribuição ao crescimento do agronegócio, com resultados positivos mesmo na pandemia, tem carência de mão de obra. São 2.385 affas em ação para dar conta de todas as demandas do setor agropecuário. "Dentre os desafios, temos a realização de concurso público para suprir o déficit de 1.620 affas e alcançar a nossa tão sonhada reestruturação salarial. Trabalharemos de forma incansável em busca desses objetivos", assegurou Janus Pablo.

Ainda sobre o empenho para manter as atividades na pandemia, o secretário de Defesa Agropecuária do Mapa, José Guilherme Leal, cumprimentou a categoria pelo desenvolvimento do excelente trabalho na defesa agropecuária, especialmente na pandemia. "O país não sofreu nenhuma interrupção nas exportações e importações", destacou, referindo-se ao empenho dos affas e agradeceu pela importante contribuição desses servidores de carreira ao setor agropecuário, que mais cresce e tem dado sustentação ao desenvolvimento econômico do Brasil.

Marcos Montes, secretário-executivo do Mapa, também elogiou o trabalho dos auditores agropecuários pela dedicação ao Brasil, assim como o deputado Pedro Lupion (DEM/PR). O presidente da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), Ricardo Santin, também fez questão de registrar cumprimentos à categoria, em vídeo. Reforçou a importância do trabalho realizado pelos affas e o fato de terem ajudado a consolidar o Brasil como o maior exportar de carne de aves do mundo e como o 4º maior exportador de carne suína. "Graças a esse desempenho o país está entre os maiores produtores de carne de aves, suína e de ovos do mundo", destacou Santin.

Contribuição
Com atuação nas cinco áreas profissionais que compõem a carreira, os affas exercem importante papel na inspeção e fiscalização nos portos, aeroportos, em postos de fronteira, nos campos brasileiros, nas empresas agropecuárias e agroindustriais, nos laboratórios, nos programas agropecuários, nas cidades e nas relações internacionais.

São eles que garantem a segurança dos rebanhos e das lavouras brasileiras contra as possíveis contaminações de animais, de plantas vindas de outros países e realizam um rigoroso controle em portos, aeroportos e postos de fronteira. Além disso, promovem o controle e a erradicação de pragas e doenças; a inspeção de campos de produção de sementes; a fiscalização de organismos transgênicos, de produtos orgânicos, indicação geográfica, associativismo/cooperativismo e a garantia à proteção de cultivares.

Também está no escopo de trabalho dessa categoria os registros e os credenciamentos de todas as agroindústrias, entre as quais as empresas de bebidas; de produtos de uso veterinário; de natureza farmacêutica, biológica e de embelezamento; de alimentação animal; de aviação agrícola; produtoras de agrotóxicos e afins; assim como as que produzem fertilizantes e corretivos agrícolas, assim como o apoio de análises laboratoriais na fiscalização para garantir a classificação, qualidade de produtos e segurança alimentar.

Entre outras funções, os affas também se responsabilizam pelo planejamento, acompanhamento e gestão das ações produtivas nacionais. Estão envolvidos nas atividades vinculadas aos estoques reguladores e nas operações de compra e venda de alimentação do governo federal; na orientação e na aprovação de estabelecimentos, projetos e produtos; nos estudos, nas análises, nas avaliações e nas vistorias; na aplicação do processo universal de controle de qualidade; na emissão de pareceres; na elaboração e no monitoramento de tratados e acordos internacionais.

Atuam no registro de distribuidoras de produtos pecuários, no comércio de produtos vegetais (embaladores, fracionadores e atacadistas), de fertilizantes, corretivos, sementes e mudas. Além dos trabalhos realizados aqui no Brasil, há representação em 28 postos no exterior, onde os affas ocupam as funções de adidos agrícolas.

Ministra Tereza Cristina elogia trabalho dos affas:



CONTATO ASSESSORIA

FSB Comunicação
Socorro Ramalho
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
(61) 9 9202.8019

Juliana Moreira Lima
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
(61) 98136.3266

 

Anffa Sindical

ANFFA Sindical é o Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais Federais Agropecuários
Setor Comercial Sul, Quadra 2, Bloco C, 4º andar, Ed. Jockey Club - 70.302-912 - Brasília, DF
 + 55 (61) 99202-4764  / + 55 (61) 99226-6626  / + 55 (61)99932-0149