13
Dom, Out

Notícias do Sindicato

Os Auditores Fiscais Federais Agropecuários (AFFAs) aposentados e os pensionistas filiados ao Anffa Sindical agora têm documento de identificação. As carteirinhas confeccionadas pela Secretaria de Administração do Sindicato, por uma demanda da Diretoria de Aposentados e Pensionistas, já começaram a ser distribuídas durante o mês de agosto, para aqueles que atualizaram sua ficha cadastral no site do Sindicato e enviaram fotos.

O AFFA aposentado Antônio Carlos Sperto, de 83 anos de idade, médico veterinário, foi um dos primeiros no estado do Mato Grosso a receber a carteirinha.

“O Sindicato exerce importante papel na carreira dos AFFAs, representando e lutando pelo interesse da categoria e, nos últimos anos, tem valorizado ainda mais os aposentados e pensionistas, principalmente a atual Diretoria Nacional e a DS MT, que vêm realizando excelente trabalho junto aos colegas inativos”, afirmou, alegre com o novo documento de identificação.

Vale ressaltar que a carteirinha não tem validade de documento oficial, servindo apenas como forma de identificação do AFFA aposentado e pensionista.

O filiado que não receber a carteirinha, deve atualizar seus dados cadastrais junto à sua respectiva DS ou pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo., além de enviar uma foto colorida no formato 3x4. Feito isso, é preciso aguardar por novas confecções, por parte da Secretaria de Administração. Vale destacar, ainda, que não é cobrada nenhuma taxa de pagamento pelo documento.

O diretor de Aposentados e Pensionistas da DS-MT, Donizeti Pereira de Mesquita, destaca a importância da atualização cadastral, não só para a confecção das carteirinhas, mas para o recebimento do boletim informativo mensal “Inffo Sindical”, do Radar Anffa Sindical (enviado via Whatsapp, semanalmente), além de outros documentos enviados pela entidade por e-mails e via correios.

"É muito importante que todos os AFFAS façam sua atualização cadastral junto às delegacias sindicais, para se manterem bem informados”, ressalta o diretor.

Com informações da DS-MT 

0
0
0
s2sdefault