19
Dom, Nov

Notícias do Sindicato

A Comissão de Controle e Avaliação (CCA) do Anffa Sindical encerrou os trabalhos da gestão 2014-2017 nesta sexta-feira (20/10). De acordo com o secretário de Planejamento Estratégico do Sindicato e coordenador da CCA, João Caldas, foram concluídas nestes três anos de trabalho 83% das 127 ações propostas no início do mandato dessa gestão.

Ainda segundo Caldas, essas ações surgiram por meio de diretrizes estabelecidas no III CONAFFA que se juntaram ao programa de gestão da Diretoria Executiva Nacional (Direx).

“Foram realizadas neste tempo seis avaliações da CCA e chegamos a esse índice que considero muito bom”, afirma Caldas.

Segundo o coordenador, vale considerar que o restante de 17% referente às ações não executadas se deu devido às considerações de secretários e diretores que “concluíram que algumas dessas ações são inexequíveis”.

Também de acordo com João Caldas, uma reunião com o novo secretário de Planejamento Estratégico, Paulo Roberto de Oliveira, deve ocorrer em breve para que sejam repassadas as ações da pasta da Secretaria de Planejamento Estratégico e discutidas questões referentes às metas e ações.

Destaque

Perguntado sobre quais ações destacaria entre as que foram executadas nos últimos três anos, o secretário de Planejamento Estratégico e coordenador da CCA, João Caldas, cita a conquista da carreira com a mudança da nomenclatura de Fiscal para Auditor Fiscal Federal Agropecuário, os avanços da Diretoria de Comunicação e Relações Públicas (DCom) e o ordenamento do trabalho jurídico. Caldas destaca, ainda, a realização do trabalho de pesquisa da Fundação Getúlio Vargas (FGV) que aponta o impacto da atuação dos AFFAs no setor agropecuário. “Esse é um trabalho cientifico, registrado e que deixa um legado para a categoria”, ressalta Caldas.