19
Dom, Nov

MAPA

Foram publicadas no Diário Oficial da União desta sexta-feira (10/11) nomeações designadas pela Presidência da República para novos adidos agrícolas. As designações são para a função no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) de adido agrícola no Vietnã, Argentina, Tailândia, Arábia Saudita, África do Sul, China, Coreia do Sul, Índia, Rússia e México. Todos os nomeados são Auditores Fiscais Federais Agropecuários (AFFA) e foram selecionados por meio de processo meritocrático, o que é uma conquista para a categoria.

“Era um pleito antigo do Anffa Sindical de que essa função fosse exercida exclusivamente por AFFAs, o que se concretizou após assinatura de ato da ex-ministra Kátia Abreu e, agora, com esse processo”, afirma o presidente do Sindicato, Maurício Porto.

Ainda segunda Porto, a luta da categoria continua no sentido de implementar processos meritocráticos, também, para funções dentro do MAPA.

“Existe todo um processo e regras para seleção de adido agrícola, algo que não existe, hoje, para escolha de cargos dentro do MAPA. Já foi entregue ao ministro um trabalho nesse sentido, realizado por GT o qual o Anffa Sindical atuou, e essa é uma situação que buscamos regulamentar”, enfatiza.

Segundo informações do MAPA, a missão será estendida e, até 2019, serão 25 adidos cobrindo 41 países. O treinamento foi organizado juntamente com o Ministério das Relações Exteriores (MRE).

Para acessar o DOU de 10/11/2017 com as nomeações dos novos adidos, clique aqui.