Laboratórios de Defesa Agropecuária do Mapa recebem visita de especialistas do BID e da América Latina

As unidades brasileiras são aptas a manipular vírus de várias doenças em animais e são referência para demais países da região

Gestores públicos e especialistas em diagnóstico de doenças animais da Bolívia visitaram, entre os dias 7 e 9 de novembro de 2022, os laboratórios federais de Defesa Agropecuária de Pedro Leopoldo (MG) e de Campinas (SP), para troca de experiências na construção e manutenção de laboratórios biosseguros em seu país.

A Rede LFDA tem duas estruturas de alta contenção biológica (NB4 OIE no LFDA-MG e NBA3 no LFDA-SP), que são referência no Brasil e na América Latina. Nas unidades, é possível realizar a manipulação dos vírus de febre aftosa, peste suína clássica, peste suína africana, influenza aviária e doença de Newcastle de forma segura para os colaboradores, visitantes, animais, comunidade e meio ambiente.

Nacionalmente, os laboratórios biosseguros da Rede LFDA foram pioneiros e são os únicos com condições de manipular patógenos causadores de doenças animais. Na América Latina, além do Brasil, apenas o Paraguai tem laboratório de alta contenção biológica.

A comitiva dos especialistas foi acompanhada pelos representantes do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), Octávio Damiani e Higor Seiberlich Gomes. A instituição irá financiar a construção de um laboratório do tipo na Bolívia.

No Brasil, Mapa e o BID desenvolveram o Programa de Modernização da Defesa Agropecuária (ProDefesa), iniciado em 2019 e com duração prevista de 60 meses. A Rede LFDA foi uma das beneficiárias do ProDefesa, por meio de ações para ampliar a eficiência da ação laboratorial do Ministério da Agricultura.

Para Octávio Damiani, a Rede LFDA conta com uma estrutura de excelência, com destaque para os laboratórios de alta contenção biológica. “O ProDefesa que apoia a Secretaria de Defesa Agropecuária na melhoria de seus serviços tem como um dos pilares o apoio à melhoria da eficiência dos laboratórios. O BID realiza os investimentos em contrapartida ao alcance de resultados, e os laboratórios sempre atingem, e até superam, a meta determinada para cada período. Dessa forma, entendemos o comprometimento com a Defesa Agropecuária e a proeminência dos LFDA na América Latina.”

Para Mary Laura Rivero Mamani, diretora Nacional de Laboratório do Ministério de Desarollo Rural y Tierra, a oportunidade de conhecer os laboratórios foi de extrema importância. “Vai ser de grande valia para decisões estratégicas para a construção do laboratório e posteriormente para a gestão e aplicação de políticas públicas, que são similares entre nossos países. Voltamos satisfeitos por termos conhecido com profundidade a parte técnica dos laboratórios de alta contenção.”

A Rede LFDA já recebeu comitivas de outros países, como do Paraguai. A sede da Rede Sulamericana de Laboratórios de Diagnóstico de Influenza Aviária e doença de Newcastle (RESUDIA) fica no LFDA-SP.

Anffa Sindical

ANFFA Sindical é o Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais Federais Agropecuários
Setor Comercial Sul, Quadra 2, Bloco C, 4º andar, Ed. Jockey Club - 70.302-912 - Brasília, DF
+55 (61)3224-0364  / +55 (61) 3246-1599
+55 (61) 3968-6573 / + 55 (61) 99202-4764 
+ 55 (61) 99226-6626  / + 55 (61)99932-0149