25
Seg, Maio

Notícias do Sindicato

Na manhã desta quarta-feira, 01/04, aconteceu mais uma reunião, por videoconferência, do Comitê de Crise para Supervisão, Monitoramento e Coordenação das ações voltadas para os impactos da Covid-19, do Anffa Sindical. Participaram membros da Diretoria Executiva Nacional (Direx), do Conselho de Delegados Sindicais (CDS) e Conselho Fiscal (CF).

Foram discutidos os seguintes pontos:

1.         Plano de Saúde: gestões junto à Secretaria Executiva do Mapa;

2.         Solicitação de apresentação de novo orçamento do plano de assistência psicológica para Auditores Fiscais (diretriz Conaffa), com ênfase emergencial em locais e áreas de atuação em condições de exposição controlada ao risco de transmissão;

3.         Resumo da reunião Fonacate: cenário político geral e específico (carreiras) - propostas de redução salarial: estratégias do Fonacate;

4.         Atualizações sobre as gestões do Anffa Sindical junto ao Mapa, imprensa e entidades representativas do setor produtivo quanto aos turnos extras em abatedouros e o pedido da Ministra da Agricultura para novo concurso, convocação dos excedentes do último concurso e pagamentos de horas extras;

5.         Conclusão e análise do levantamento dos locais e do número de Affas lotados no Vigiagro que não dispõem de EPI – ofício à Ministra;

6.         Enquadramento de técnicos do extinto MDA (decisão liminar).

“Com relação à assistência psicológica aos colegas que estão na frente de batalha, temos percebido que o pessoal está muito atarefado e precisa desse apoio, inclusive, por conta do quantitativo de Auditores Fiscais Federais Agropecuários (AFFA), e isso causa estresse. Continuamos trabalhando no apoio do ofício da Ministra da Agricultura, junto ao Ministério da Economia, na solicitação de 140 Affas, Médicos Veterinários, e também do concurso para as outras categorias que pertencem à carreira, que são os engenheiros agrônomos, zootecnistas, farmacêuticos e químicos. Foram tratados assuntos de extremo interesse da categoria, estamos em contato com o Ministério da Agricultura, com empresas do setor produtivo, de carnes, de alimentos de origem vegetal, etc, nesse trabalho complexo que a gente faz para poder sobrepor as dificuldades desse momento”, concluiu o presidente do Anffa Sindical, Maurício Porto.

 

0
0
0
s2sdefault