18
Sáb, Nov

Notícias do Sindicato

O presidente e o vice-presidente do Anffa Sindical, Maurício Porto e Marcos Lessa, respectivamente, participarão, dias 26 e 27 de abril, em Fortaleza, do VIII Congresso Latino-Americano e do XIV Congresso Brasileiro de Higienistas de Alimentos. Essa é a segunda vez consecutiva que a Direx represesenta o Sindicato. Em 2015, eles estiveram na última edição, que ocorreu em Búzios (RJ).

Os eventos são promovidos pelo CBMVHA (Colégio Brasileiro de Médicos Veterinários Higienistas de Alimentos), onde secretário de Finanças do Sindicato, Simplício Alves de Lima, atua como primeiro secretário. Para ver a programação clique aqui.

Concomitante aos Congressos, haverá o “1º Encontro de Médicos Veterinários de Inspeção de Produtos de Origem Animal, suas tecnologias e sanidade aquática”. O Encontro é oriundo de um grupo criado em dezembro de 2016, sendo formado por médicos veterinários renomados, responsáveis técnicos, empresas de consultoria, docentes, além de Auditores Fiscais Federais Agropecuários e Fiscais Estaduais Agropecuários.


O objetivo principal do grupo neste evento é debater a atuação do médico veterinário e seus desafios nas áreas de inspeção de produtos de origem animal, suas tecnologias e sanidade aquícola; a qualidade do ensino inserido em matrizes curriculares que hoje não contemplam o que o mercado exige dos profissionais dessas áreas; e o declínio na atuação mercadológica dos médicos veterinários nestes segmentos em detrimento à outras classes. 


Os profissionais da área também querem propor e elaborar um documento que reivindique e sugira mudança de postura e ações dos Conselhos Federal, Estaduais da categoria e instituições de ensino, públicas e privadas, com relação às áreas e finalmente sensibilizar todas as entidades governamentais, privadas, alunos de veterinária e público em geral, da necessidade e importância desses profissionais na cadeia produtiva dos produtos de origem animal e sanidade aquícola.

O documento será elaborado com foco nas necessidades detectadas pelo grupo e que hoje se instalam no seu dia a dia, nas áreas citadas, de forma que possa ser lido, estudado e finalmente incorporado às ações futuras dos diversos conselhos de Classes, associações, sindicatos, órgãos públicos, entre outros.