17
Seg, Jun

Notícias do Sindicato

O deputado Onyx Lorenzoni (DEM/RS), relator do PL (Projeto de lei) 4850/2016, que estabelece medidas contra a corrupção e demais crimes contra o patrimônio púbico, além de combater o enriquecimento ilícito de agentes púbicos está lendo, neste momento (9/11, às 18h20), o seu relatório na Comissão Especial que trata do assunto, na Câmara dos Deputados. O texto, que originalmente continha dez propostas, recebeu mais oito sugestões do parlamentar. Sendo aprovado o substitutivo, a matéria deverá seguir para o plenário da Casa.

Participação - O assunto é pauta frequente da Direx (Diretoria Executiva) do Anffa Sindical em diversas frentes que tratam da questão por entender que a corrupção é um dos entraves que impedem o desenvolvimento do Brasil. Além do trabalho parlamentar realizado em torno do assunto no Congresso Nacional, recentemente, parte da diretoria do Sindicato participou de um debate promovido pelo grupo de comunicação Congresso em Foco, denominado Diálogos Congresso em Foco, onde os participantes puderam falar dos desafios e construir juntos um documento que foi encaminhado às duas casas do Congresso Nacional e ao ministro da Transparência com uma série de alternativas para questões como crise política, econômica e moral.

Em março deste ano, a entidade também participou da protocolização do Projeto de Lei 4850/16; uma ideia que nasceu de procuradores do Ministério Público Federal e posteriormente contou com o apoio de diversos segmentos da sociedade, entre as quais o Anffa Sindical, que, por meio das DS (Delegacias Sindicais), nos estados e no Distrito Federal, incentivou o recolhimento de assinaturas para o referido projeto.

“Vemos discussões como essas como essenciais, pois o PL 4850/2016 pretende combater diversas práticas perniciosas que assolam o nosso país”, disse o diretor de Relações Institucionais, Alfredo Dantas, que acompanha a sessão na Câmara, ao lado da delegada sindical do Rio Grande do Sul, Consuelo Paixão Côrtes.

Em breve divulgaremos novas informações. 

0
0
0
s2sdefault