18
Sáb, Nov

MAPA

Profissionais participaram de eventos do Mercosul, OECD e ISTA nos últimos dois meses


Após grupo de Fiscais Federais Agropecuários cumprir agenda cheia nos últimos dois meses, o Anffa Sindical recebeu informações, através de Virginia Arantes Ferreira Carpi, da Coordenação de Sementes e Mudas do Departamento de Fiscalização de Insumos Agrícolas (CSM/DFIA), sobre a participação dos profissionais em eventos internacionais, onde representaram o Brasil.


De acordo com Virgínia, de 9 a 12 de maio, o FFA André Felipe C. Peralta da Silva, diretor do DFIA/DAS, participou de reunião da Comissão de Sementes do Mercosul, em Montevidéu, Uruguai. “Foram discutidas questões relacionadas à observância dos direitos dos obtentores, ao credenciamento de laboratórios de sementes, à habilitação de mostradores, à revisão da tabela de equivalência das denominações de categorias de sementes botânicas, entre outros assuntos”, explica Virgínia.
 

Paralelamente, nos dias 11 e 12 de maio, o FFA Marcus Vinicius Leite participou de reunião, na cidade de Pando, também no Uruguai, de grupo de trabalho do Mercosul relacionado à Agricultura. “O objetivo foi discutir a equivalência entre as categorias de batata-semente, com base nos sistemas de produção e de gerações, produzidas nos países participantes do Mercosul”, afirma a coordenadora.



Já no mês de junho, entre os dias 7 e 10, foi a vez de Virgínia Arantes participar, juntamente com André Felipe, da Reunião Anual dos Representantes das Autoridades Nacionais Designadas para Implementação dos Esquemas OECD (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico). De acordo com Virgínia, que é coordenadora de Sementes e Mudas no DFIA, o intuito do evento este ano, ocorrido em Paris, França, é certificar sementes destinadas ao comércio internacional. Segundo Virgínia, a delegação brasileira teve oportunidade de relatar, entre outros temas relevantes, o pedido feito pelo Brasil para equivalência de certificação com a União Europeia. “Falamos sobre a expectativa positiva de conseguirmos a equivalência de certificação de sementes com a União Europeia”, destaca.



Por fim e não menos importante, a coordenadora conta que os FFAs José Maurício Pereira (SEFIA/MG/ DFIA) e Myriam Leal Alvisi (LASO/LANAGRO/MG/ CGAL) participaram, entre os dias 14 e 22 junho, em Tallinn, Estônia, da reunião do Comitê de Pureza e de Amostragem da ISTA (International Seed Testing Association), o qual são membros. A reunião, que é parte do cronograma do 31º Congresso da ISTA, contou com apresentação de atividades dos comitês durante o período 2013-2016 e o planejamento para o próximo triênio. De acordo com Virgínia, Myriam e José Maurício continuam como membros da Comissão. “Os FFAs participaram da apresentação da proposta de fortalecimento do setor sementeiro, com representantes de cinco organizações mundiais, das quais o Brasil é signatário: FAO, OECD, UPOV, ISF e ISTA. Além disso, participaram da discussão das estratégias da ISTA para 2016-2019 e da Reunião Geral Ordinária da ISTA”, afirma.
 



Vale lembrar que, em janeiro de 2016, os Fiscais Federais Agropecuários Graziele dos Passos Lima (DISEM/CSM/DFIA/SDA) e Arnoldo Daher de Almeida Junqueira (Chefe do SEFIA/SFA-GO) também haviam participado de reunião de Grupos Técnicos de Trabalho da OECD para Certificação de Sementes Destinadas ao Comércio Internacional, em Cidade do Cabo, África do Sul. 

Para o diretor de Comunicação do Anffa Sindical, Roberto Siqueira Filho, a divulgação das atividades e da participação ativa dos FFAs em eventos internacionais é essencial no processo de valorização e divulgação da Carreira. “Um dos trabalhos do Anffa Sindical em prol dos FFAs é dar visibilidade aos trabalhos realizados pela Categoria em todos os âmbitos, inclusive as suas participações em eventos internacionais. O Sindicato Nacional dos Fiscais Federais Agropecuários acredita que esse tipo de divulgação é uma das chaves para promover a valorização da Carreira, seja na esfera política ou na sociedade”, afirma Roberto, que também é FFA.