12
Ter, Dez

MAPA

A prova para Auditor Fiscal Federal Agropecuário com formação em medicina veterinária, aplicada no último domingo (26/11), foi anulada e novos exames devem ser aplicados no dia 17 de dezembro segundo comunicado emitido pela Escola de Administração Fazendária (Esaf), responsável pela organização do concurso público MAPA/2017.

De acordo com relatos divulgados pelos candidatos à grande mídia, ocorreram problemas durante a aplicação do exame como questões faltantes em algumas provas, com numeração errada ou páginas trocadas. Muitos concorrentes chegaram a fazer denúncias ao Ministério Público Federal e registram boletins de ocorrência. Em comunicado, a Esaf informou, já na noite de domingo (26/11), que “devido ao erro material consistente na impressão gráfica dos cadernos de provas com números de gabarito 3 e 4, decidiu pela anulação da aplicação das provas objetivas realizada no dia 26 de novembro de 2017”. (Leia o comunicado na íntegra).

O presidente do Anffa Sindical (entidade representativa dos Auditores Fiscais Federais Agropecuários), Maurício Porto, lamentou o ocorrido.

“Lamentamos essa falha, pois a realização desse concurso é um pleito urgente da carreira de Auditor Fiscal Federal Agropecuário que hoje opera com deficit de 1600 servidores, segundo levantamento do próprio MAPA. Esperamos que esses novos Auditores Agropecuários venham substituir os prováveis temporários que assumirão atividades inerentes aos servidores e reforçamos, ainda, a necessidade de mais vagas, não só para médicos veterinários, mas para as outras profissões que compõe a carreira”, ressaltou Porto.